segunda-feira, 10 de agosto de 2009


LUZES DA AMIZADE
Guida Linhares

De repente, algo diferente acontece:
uma primeira aproximação,
seja no contexto real ou no virtual,
despertando o interesse,
a curiosidade de se saber mais,
sobre aquela pessoa ainda estranha,
mas que provoca um movimento interno,
desvela um sentido de afinidade,
mexendo com o nosso jeito de ser.
Aos poucos, os universos vão se revelando,
vagarosamente ao longo do tempo.
É o nascedouro de algo muito valioso.
Uma percepção de que ali está alguém,
que provoca uma doce sensação,
uma certa alegria, um bem estar.
E vão se repetindo os momentos,
em que ambos trocam idéias,
partilham sonhos, fermentam a amizade.
Felizes são aqueles que a cultivam,
dentro do respeito à diversidade,
olhando as diferenças como singulares,
pautando pela verdade, mas aceitando
os defeitos do outro até porque
"atire a primeira pedra" quem não os tiver...
Assim sendo, não importa muito
se os pensamentos diferem, mas sim
que o intercâmbio seja enriquecedor,
acompanhado de entendimento e compreensão.
E assim as amizades se consolidam,
ainda que na distância ou próximas.
A possibilidade de saber que aquele amigo(a)
estará presente quando se precisa,
seja para um abraço, um desabafo,
rir ou chorar junto, empresta um colorido especial à vida.
Até mesmo a sua ausência não causará danos,
pois se sabe que a ternura de quem se gosta,
tem lugar cativo no coração, primo da memória.
Talvez quem sabe, esse bem querer tamanho,
venha de outros tempos, no rastro da eternidade,
trazendo as luzes brilhantes da terna e eterna amizade.

Santos/SP - 22/10/09


ﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﮨﯝﮨﻸﻉﮨﯝﮨﻸﻉﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎﻎ

5 comentários:

Rita Maria disse...

Olá amiga,

Estou feliz por você ter voltado a aparecer nos lugares onde costumo passar, é muito bom ler seus comentários sempre muito inteligentes e com uma certa pitadinha de bom humor...

Lí alguns poemas, mas voltarei para lê-los com mais tempo... Os que lí são belos... amei todos!... Como sempre a marca registrada da suavidade em seus versos!...

Boa Noite querida amiga...

Rita

O NOVO POETA disse...

um blog lindo e seus escritos são maravilhosos, um forte abraço e fique em paz.

Sara Guimarães disse...

Querida:

Suas linhas poéticas formam um oceano de ternura, de sensibilidade, de todos os sentimentos mais suaves, embora mui profundos.
Como sempre digo, admiro os frutos de sua "pena"!

Um abraço,
Sara.

Rita Maria disse...

Guidaaaaa.... Bom Dia Garota Poeta!...

Quero primeiramente desejar-lhe um dia de glórias, fogos de artifício, sol brilhante, lua nova e muitos amigos...

Quero também agradecer-lhe pela paciência com que lê e julga meus versos, mesmo os mais simples possíveis. Quero dizer-lhe que lí o poema sobre o amigo, postado na entrada como se fosse uma chave de ouro a abrir esta bela casa...

Beijão Guida e vá sempre me ver...

Rita

Rita Maria disse...

Guidaaaaa!...

Olha eu aquí traveis... Vim aquí lhe desejar um Final de Semana cheio de grandes e bons acontecimentos!...

Obrigada pelo apoio... você é uma amiga preciosa!...

Beijão,

Rita